Modernidade Móveis

Clássicos, Modernos e Contemporâneos

Joias Arquitetônicas para a Copa do Mundo de 2022

22 de setembro de 2010 | Categoria: Atualidades · Video| Seja o primeiro a comentar!

Ficamos deslumbrados com esse vídeo que mostra os cinco primeiros projetos de estádios, que serão construídos pelo Qatar para sediar a copa do mundo de 2022. São eles: Al-Wakrah, Al-Shamal, o Al-Gharafa, Al-Khor e Al-Rayyan.

Verdadeiras joias arquitetônicas que receberão pessoas de todos os continentes  para a festa máxima do futebol mundial.

Vista do Estádio Al Shamal, parte do projeto do Qatar para sediar a Copa do Mundo de 2022

Como parte de seus esforços para ser escolhido como país sede da Copa do Mundo de 2022, o Qatar anunciou planos de construir cinco estádios. Mas não quaisquer estádios, serão cinco construções com arquitetura espetacular e completamente abastecidos por energia solar.

Com design da Albert Speer & Partner GmbH, um dos escritórios de arquitetura mais respeitados do mundo. Cada um dos estádios lembrará um aspecto diferente da cultura do Qatar. O Al Khor terá como inspiração uma concha do mar; o Al Shamal, uma dhow, embarcação tradicional árabe; e o Al Wakrah será inspirado na arquitetura árabe tradicional.

Outros estádios do país, o Al Rayyan e Al Gharafa, serão modificados. As paredes externas do primeiro receberão uma “membrana de mídia”, com imagens e estatísticas para atrair os fãs, um show de tecnologia. O segundo receberá uma fachada colorida, um “laço de amizade”. Ambos os estádios serão ampliados e, após a Copa, as arquibancadas superiores serão doadas a países em desenvolvimento.

Estádios Al Gharafa (esq.) e Al Khor (dir.), parte do projeto Catar 2022. Explosão de cores e chegada de táxi marítimo

Usando tecnologia ultramoderna de controle de clima, as temperaturas dentro dos estádios permanecerão sempre abaixo de 28°C, embora do lado de fora o calor possa ultrapassar os 40°C, como é comum nesse país do Oriente Médio. Isso faria com que a Copa 2022 fosse o primeiro evento ao ar livre com controle de temperatura.

Estádio Al Wrakah (dir.) contará com espaços para vários esportes, enquanto a estrutura externa do Al Rayyan (dir.) funcionará como um grande telão exibindo jogos do campeonato

“A questão climática não mais proibirá um país de sediar uma Copa do Mundo,” declarou o coordenador do comitê Qatar 2022. “Nosso sistema de resfriamento é o primeiro deste tipo e não gerará gás carbônico”. “Estamos desenvolvendo tecnologia de resfriamento com emissão zero de gás carbônico em todos os nossos estádios.”

Caso o país seja escolhido para sediar a Copa, o governo fará investimentos de US$ 4 bilhões em obras. Já está confirmada a construção desses  três novos estádios com capacidade para 45 mil espectadores. Chama a atenção o fato de que  estas obras serão desenvolvidas mesmo se o país não for aceito para sediar o campeonato.

O Qatar terá de esperar até dezembro deste ano para que a FIFA apresente sua decisão sobre qual das 11 nações deve servir como sede para a Copa 2022.

Se depender tão somente desse vídeo a Copa do Mundo no Qatar está no papo.

Esme Rodrigues

Agradecimentos:

Agência de Notícias Brasil Árabe.

Autor do post

avatar
Esme Rodrigues

Nasci junto com a Modernidade Móveis e da necessidade desta.

Mais da mesma

Nenhum comentário

  • Não existem comentários ainda. Deixe o seu!